quinta-feira, 3 de abril de 2008

No preparo do rojão - A letra

Atendendo pedido de leitora deste Blog, publico a seguir a letra da composição No preparo do rojão - motivo de comentário dias atrás. O clima junino evocado na música me fez lembrar das bandeirolas do pintor Alfredo Volpi, de quem selecionei a serigrafia aqui reproduzida.


No preparo do rojão

(José Luiz Penna/Tiago Araripe)

Meu sertão tá em plena festa
Comemorando a chegada do São João
As bicicletas passando
No rumo da feira
E o povo no preparo do rojão
E deste lado do mapa
O céu tem estrelas
E o rock perde feio pro baião

Saltei
Por muitas fogueira
Brinquei
Com sua razão
Mexi
No tarrabufado
Pra chamar sua atenção
Como é gostoso o baião.


Pensando bem, esta composição existia bem antes de ser tocada por Oswaldinho em palcos e disco. Um dia a levei pessoalmente a Luiz Gonzaga, esperando que ele pudesse gravá-la. O velho Lua era cliente da Casa do Fazendeiro, estabelecimento comercial que meu pai mantinha no Crato, Ceará. Lá comprava equipamentos e insumos para sua fazenda no município pernambucano de Exu, onde nasceu. (Fazendo divisa entre os dois estados, a Chapada do Araripe.)

(Aliás, tenho exemplar da primeira edição de sua biografia O sanfoneiro do Riacho da Brígida, do jornalista Sinval Sá, que o próprio Lua havia dado ao meu pai. Li e recomendo.)

Com a cara e a coragem, rumei num fim de semana para Exu, mais precisamente para a casa de Luiz Gonzaga. No entanto, não o encontrei: ele estava viajando. Ficou o saldo de conhecer o lugar, uma residência ampla onde ele costumava levar muitos amigos e em cujo entorno estava construindo chalés para aluguel.
p
Tiago Araripe

6 comentários:

Dalvinha disse...

Ê Tiago, que bom que pos a letra de No Preparo do rojão.Eu sabia, aos pedaços.Agora só falta a música.rsrsrs.
Mexi no tarrabufado é muito bom.Depois mudou não gostei.E Hermanno em? podia escrever pra o Blog.Beijos
Dalvinha

Cabelos de Sansão disse...

ei dalvinha. "mexi no tarrabufado" não mudou. quanto à música, se você clicar no nome da composição, no primeiro parágrafo do texto, entra em outro blog onde pode baixar todas as músicas do disco "natureza", de oswaldinho. inclusive "no preparo do rojão".
enjoy.

Dalvinha disse...

Tiago, mexi até com maxixi....Zé tinha mudado sim.Eu não gostei, pode ser que ele tenha voltado à letra anterior...Eu tenho memória.
Dalvinha

Cabelos de Sansão disse...

deste lado do mapa, não tive notícia "oficial" da mexida... tarrabufado é mais sonoro. é uma palavra que tem diferentes significados, como pode ser observado no link que disponibilizei, mas na composição tem mesmo a ver(ouvir?) com o resfolego da sanfona.
e que a sua memória continue auxiliando os percalços deste escriba...

Kydelmir Dantas disse...

Caro Tiago.
O livro do Sinval Sá é uma boa biografia do Rei do Baião... Mas não é a primeira.
O primeiro livro sobre 'Lua' foi escrito pelo poeta Zé Praxédi, publicado em 1952. Veja 'sítio' da SBEC = http://sbec-mossoro.blogspot.com
Grato pela compreensão.
Kydelmir Dantas
Mossoró - RN.

Cabelos de Sansão disse...

valeu a contribuição, kydelmir.
grato pela indicação do blog da sociedade brasileira de estudos do cangaço, que é bem interessante.
será que ainda é possível encontrar o livro de zé praxédi? senão, valeria uma reedição...
abraço