quinta-feira, 5 de junho de 2008

Dos desertos

Foto: Vanessa Cordeiro

Para cruzar os desertos
Não basta um bom camelo
É preciso que a coragem
Seja bem maior que o medo
E que a gente tenha um norte
Para não andar a esmo

Para cruzar os desertos
Não carece desespero
É preciso olhar profundo
Para dentro de si mesmo
E buscar, mesmo no abismo
Nosso céu de brigadeiro.


Tiago Araripe

2 comentários:

Calazans Callou disse...

Thiago, sou natural do Crato, não sou de sua geração, mas no início dos anos oitenta, escutei muito Cabelos de Sanção, tinha o vinil, mas em minhas mudanças o disco se foi.

Hoje moro em Recife, sou servidor público e músico, inclusive trabalhei um tempo com um primo seu aqui em Recife, Antonio Araripe.

Gostei muito desse poema, gostaria de saber se já foi musicado, pois tenho uma música pronta e esse poema foi feito na medida para essa música. Se já foi musicada, esqueço, se não, gostaria de sua permissão para enviá-la você.

Abraços.

Cabelos de Sansão disse...

envie sim, meu caro. ouvirei com a atenção que você merece.
e encontrando antonio, transmita meu abraço.
tudo de bom.
tiago